Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2009

New York – Impressions XIII

Imagem
Yes or n’t
With Walter Cândido colaboration

Sometimes, the negative sentences are hard to get for a newcommer in the studies of the english language. The fact that almost all the negative phrases can be shortened only makes things worse. But that abbreviation may have been the capital matter for the prosperity of the nations that had grown under the language of Shakespeare.

Begining with the thought that say “He didn’t know that it was impossible, and made it.” Some english speaking heros didn’t take notice of the diference between can and can’t, is and isn’t, should and shouldn’t.

Maybe everything began when other big european countries told England “It isn’t possible that one little island with only 50,346 sq mi could become the most powerfull nation in the world.” And maybe George II - the King in the begining of the Industrial Era - understood “It is possible”, and England became the most powerfull nation until the II War, when the quick development of the USA took place.

Speaking …

New York – Impressions XII

Imagem
O bairro do Chealsea mais especificamente a região que vai da rua 23 à 27 entre a 9th e a 10th Av é a Montmartre do nosso tempo. Os franceses começaram a reconhecer que a capital da cultura e da liberdade se transferira para NYC quando o historiador Edoard de Laboulaye conseguiu, junto aos moradores de Paris, arrecadar uma fábula de doações para enviar a Estátua da Liberdade à América. Voltando ao bairro às margens do rio Hudson, diferentemente da Cidade Luz, não vemos os artistas pintando quadros nas ruas, mas produzindo as mais diferentes formas de arte contemporânea dentro de caríssimas galerias. À noite, ao invés de cabarés, sofisticados clubs. Em poucas quadras podemos escolher entre Pink Elephant, Mansion, Marquee, Cain e muitas outras.

Este foi um dos bairros que eu mais gostei de freqüentar quando morei em New York. Pois, como turista, você não tem tempo para visitar galerias, acaba apreciando apenas os museus, e após caminhar o dia todo, quando chega no hotel, desmaia, sem d…

New York – Impressions XI

Imagem
Uma vez um amigo meu - Waldick Jatobá - me disse que quando morara em New York assistira a temporada de ópera do Lincoln Center. Aquela frase permaneceu em minha memória. Me intrigou ouvi-lo dizer “temporada de ópera”!

No Brasil - mesmo em São Paulo, que possui uma das melhores orquestras do mundo, a OSESP, com uma intensa agenda de concertos - a cultura da ópera é inexpressiva e são raras as boas apresentações que temos por aqui. Por isso, a frase despretensiosa gerou em mim uma invejinha saudável, aquela na qual você não quer tirar do outro o que ele tem, mas quer ter também. E desde que eu cheguei em NY, havia duas coisas que eu queria muito fazer: visitar o MoMA várias vezes e ter uma das “ditas” temporadas de ópera, and i did. Foram 6 no total e é difícil fazer um ranking das melhores, pois este tipo de espetáculo lhe proporciona uma experiência tão plena que fica complicado enumerar. Você tem ao mesmo tempo – beleza plástica, sofisticação, História, estória e entretenimento.

Pa…

New York – Impressions X

Imagem
I’m on the JFK airport, my NYC experience is ending. Of course, the knowlegde will stay with me, but I already left Manhattan behind.
I will miss the city that never sleeeps, where everything happens at the same time.
I’m gonna miss walking safe on the streets at nigth;
I miss my first opera’s season on Lincoln Center;
I will miss the arts of MoMA and the ligths of Time Square;
I'm already missing my friends that are staying;
The galleries and also the clubs of Chealsea, the weekends enjoyed on the Hunter Mountain and the power that you feel when you see on TV the news of all the world talking about the city that you are in.
NYC I apreciate you so much. Thanks for everything that you made for me.
I will realy miss you a lot.