Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2009

QUEM INVENTA O CONTO NÃO GANHA POR PONTOS

Imagem
Numa época em que direitos autorais são desrespeitados e na qual o plágio e a pirataria viraram prática comum, vale uma reflexão sobre como o estilo literário chamado de Conto surgiu.

Em 1839, Edgar Allan Poe ainda era um escritor desconhecido quando um dos seus textos parou, por acaso, nas mãos de nada menos que o já respeitado crítico literário e escritor Charles-Pierre Baudelaire (Paris, 9 de Abril de 1821 — Paris, 31 de Agosto de 1867) . Poe já havia publicado alguns livros, mas como quase todo escritor estadunidense daquela época, não gozava de muito prestígio na comunidade internacional. No entanto, o francês olhou para aquilo e constatou que Poe não havia apenas escrito uma boa história, havia inventado um novo estilo literário diferente de tudo que se conhecia na época. Pontos para Poe que marcou a história da literatura mundial com sua criação, mas na minha opinião, ainda mais mérito à Baudelaire que poderia simplesmente ter ignorado os créditos de Allan e escrito com aquel…

RELACIONAMENTOS

Imagem
O livro Cama na Varanda mudou completamente minha maneira de ver os relacionamentos. Tentei de alguma forma, traduzir esta visão no conto Variações sobre o Amor. No entanto, não sei se consegui.
A literatura embora seja um recurso que nos envolva e que se aproxima ao máximo da vida, não pode dizer as coisas de forma direta como o fazem os livros técnicos. Não obstante, recebi recentemente um e-mail escrito pelo médico psicanalista Flávio Gikovate que explicita uma maneira bastante madura de ver os relacionamentos. Trata-se de uma das mais lúcidas e resumida explanações que já li e por isto compartilho com vocês.





SAWABONA - SHIKOBA

Não é apenas o avanço tecnológico que marcou o início deste milênio.

As relações afetivas também estão passando por profundas transformações e revolucionando o conceito de amor.

SEMANA DO EMPREENDEDOR

Imagem
A próxima semana promete ser intensa para os empreendedores que gostam de entender melhor a arte da gestão. O CJE-FIESP organiza no dia 16 de novembro o V Congresso Paulista de Jovens Empreendores. A presença de Romero Rodrigues do Buscapé e Marcelo Taz do CQC já está confirmada. No mesmo dia, o Instituto Endeavor inica a Semana Global do Empreendedor que também contará com inúmeras atividades para ampliar o aprendizado dos jovens empresários.

Acredito que o empreendedorismos seja a maneira mais eficaz de nos aprimorarmos como seres humanos e ao mesmo tempo de influenciarmos positivamente a sociendade. Quando alguém inicia uma empresa, terá que se defrontar com seus maiores defeitos, mas também será impulsionado por suas qualidades. Tudo o que de bom ou ruim o novato empresário possui, aparecerá claramente em seu negócio. A medida que ele for se aprimorando como pessoa e por consequência fazendo sua instituição, conseguirá deixar mais marcado no mundo as idéias nas quais acredita. Por …

VENDETTA

Imagem
De mãos dadas, sobem a Boulevard St. Michel em direção ao Jardin du Luxembourg. Paris brilha! É um daqueles dias perfeitos para deitar na grama, tomar sol dourado e sorvete rosado. O Mc Donald’s da rua contrasta com a arquitetura Haussmanniana. Está tão deslocado quanto a moderna pirâmide de vidro que jamais sentiu-se à vontade na frente do Louvre. Preferem o Pompidou. Afinal de contas, os contrastes sempre fizeram parte das suas rotinas e retinas. Não estranhariam nem mesmo se o Ronald, ao invés de vermelho e amarelo aparecesse pintado de bleu, blanc et rouge.

Marie sorri e olha para cima, Mathieu admira seus lábios. A brisa tira-lhe a franja do rosto. Pensou que jamais conseguiria admira - lá depois da fervorosa discussão que tiveram semana passada. É a montanha-russa do amor. Onde, quando a emoção ameaça desaparecer, surge o loop de 360o para dá-la mais intensidade.

SÃO PAULO CULTURALÍSSIMA

Imagem
Uma labareda - não a que destruiu o acervo do Helio Oiticica - mas de um fogo cultural resplandecente está iluminando a mais artística cidade da América Latina. Por aqui, estão acontecendo muitas atividades importantes ao mesmo tempo. Começemos pelos vizinhos MuBE - MIS. No primeiro, ao ar livre, lindas fotos preto-e-branco das ruas de Paris. Internamente a exposição "The Spirit of Boz", do pscicanalista e artista Julien Friedler, traz quadros de arte moderna com conceitos de Freud e Jung. No MIS, uma instalação da conceituada e já comentada Pipilloti Rist. A suiça montou com elementos da nossa cultura, como panos de estampas brasileiras e redes, uma instalação lindíssima, na qual deitados, vemos as projeções dos seus vídeos sensoriais passarem no teto. Para mim, a impressão de pertencer ao filme foi ainda mais forte nesta instalação do que na megalomaniaca que vi no MoMA.