Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

CONSIDERAÇÕES FINAIS - ELEIÇÕES 2014

Imagem
Chegamos ao fim, poeira baixou, tristeza diminuiu um pouco, ficou o que já tínhamos.
Aécio lutou bravamente, voltou a dar esperança aos brasileiros que acreditam num país civilizado, com menos corrupção e mais oportunidades.

Quem merece os aplausos da vitória do PT? João Santana, sim o marketeiro é hoje a principal cabeça da instituição. O McDonald's tem uma das piores comidas que existem em termos nutricionais, mas quando alguém está desesperado de fome, a comunicação da marca é tão eficaz que faz parecer que aquele alimento é o melhor que existe. O PT funciona mais ou menos assim, trabalha dando um benefício imediatista às pessoas que possuem menos capacidade de analisar os fatos para o médio e longo prazo. Como fica a saúde de alguém que come fast-food todos os dias durante 4 anos?

Saldanha estruturou sua estratégia em dois pontos - onde as pessoas passam mais dificuldade e no lugar onde Aécio usaria para mostrar seu trabalho. Distribui McLanche Feliz até os eleitores se conve…

Everest, viagem à montanha abençoada

Imagem
Apesar de eu nunca ter escalado uma montanha na vida, o esporte que mais leio livros é o alpinismo. Não sei exatamente o que me fascina, talvez o tamanho dos desafios, as adversidades ou aventuras. Um esporte com muitas histórias. Acabei ontem - Everest, viagem à montanha abençoada de Thomaz Brandolin que conta a primeira expedição de alpinistas brasileiros à maior montanha do mundo. As descrições são ricas em detalhes e me fizeram sentir o tamanho das dificuldades de quem enfrenta esse desafio.

O beijinho

Imagem
Um achado na Literatura Brasileira - O beijinho e outros crimes delicados de Santana Filho.  O grande desafio de quem escreve um livro de contos é conseguir contar diferentes histórias sem que a voz do narrador se pareça a mesma pessoa contando cada conto. Santana se multiplica, diversifica e nos faz pensar que temos nas mãos uma coletânea de muitos autores.

Havia um furo na Matrix

Se você for petista, não comece a ler, prefiro a nossa amizade. Não estou fazendo um texto para debates, mas expondo o que penso que está acontecendo no país.

Num cenário normal, a coisa seria simples. O PT já tem o know-how da vitória. - mire todas as ofensas no adversário e acabe com sua reputação. Isto já basta, mas se precisar mais pode ter uma ajudinha do aparelhamento. Em parte mérito do partido, são bons em comunicação, em parte repetição de uma estratégia já bastante conhecida na América Latina. Chavez fazia assim, os Kishners fazem assim e todos os demais populistas do continente.
No Brasil tudo ia conforme o planejado. Aécio difamado, os demais não ameaçam. Um avião cai e, como um furo da Matrix que abre só alguns instantes para alguém entrar e tentar reparar o problema, surge Marina. Isso muda completamente o cenário - se você fala mal de uma pessoa as demais até podem te dar um crédito, se você fala mal de todo mundo o problema está em você - o PT só tinha cartuchos para u…

Domenico De Masi - ÓcioCriativo

Imagem
"Foram encontradas duas ou três pontas de flecha em forma de amêndoa, usadas no período da Idade da Pedra, decoradas com um desenho de folhas que se assemelham a folhas de louro. Esta é a primeira expressão estética do ser humano de que se encontrou rastro. Pela primeira vez, um ser humano, além de empregar semanas de trabalho para esculpir uma lâmina, ou seja, um objeto útil, gasta dias e dias para decorar a lâmina com um enfeite... Ainda que fossem propiciatórias, sugerem a idéia de que, para conseguir a graça dos deuses, devemos realizar algo que seja belo, não de utilidade imediata. Se eu tivesse que roubar uma obra de arte, roubaria aquelas pequenas pedras."

CONVIDADO SURPRESA - GRÉGOIRE BOUILLER

Foi quando o telefone me acordou. Era quase noite no quarto. Atendi. E logo soube que era ela. Antes mesmo de saber eu soube que era ela. Era a voz dela, a respiração, quase o rosto dela e com ele, emergindo do passado, mil alegrias dourando-se ao sol e acariciando-me o rosto e lambendo-me os dedos e quase todas se balançavam na ponta de uma corda.
Então me ergui na cama e o coração pôs-se a saltar no meu peito, ouvia-o nitidamente dar saltos fantásticos, como que eletrizado, e bater no quarto inteiro, e não podia ser uma ilusão, eu não estava sonhando, era realmente ela, as sensações não mentem. Embora eu não acreditasse nos meus ouvidos, ela me ligava de repente depois de todos aqueles anos em que não deu notícia nenhuma, nem sinal, nada, nunca.