MATISSE NA PINACOTECA


Se você for a Pinacoteca não perca muito tempo com a alardeada exposição de Matisse. A mostra deixou a desejar por apresentar poucas obras expressivas do pintor francês. Talvez por eu ser um grande admirador de A Dança esperava mais. Não me agradou.

No entanto, há uma instalção de outro francês, Céleste Boursier- Mougenot (Nice, França, 1961) chamada Variations que está surpreendente. Nessa vale a pena apreciar por bastante tempo.

Mougenot tem como característica explorar a musicalidade dos objetos que travamos contato em nosso cotidiano. Diferentemente de George Gershwin que apartir dos sons da rua criava sua música, Mougenot chama a atenção para o fato de que o som que os objetos produzem já é música por si só. O nome Variations é muito comum na música clássica e é usado quando um compositor faz música baseado em algo que já havia sido escrito. E Assim como na obra de Céleste, aquelas variações já existiam, o autor apenas as revelou ao público.

A instalaçnao é composta por três piscinas onde louças francesas brancas de porcelana em diversos tamanhos flutuam com o movimento da água, produzindo sons ao se chocarem umas com as outras. O sons que os objetos fazem associado aos seus movimentos torna a obra de arte um tanto quanto contemplativa. A sala Mario Covas da Pinacoteca contribui em muito para isto. O espaço com teto transparente permite transpassar luz natural, além disto, os bancos colocados nas paredes dão ao visitante todas as condições necessárias para ali praticar uma meditação artística de alta qualidade.

Comentários

  1. É.. eu queria ter visto a |Leçon de peinture| É a minha favorita ^^ ... =x Mas tava bonita a exposição ^^

    A música das louças ficou realmente linda =) Uma ideia tão simples! Mas tão gostasa. Ficaria por horas ali.. =)

    Ei, Daniel. Você viu a exposição "Ser jovem na França"? Eu queria ir, mas nem deu =/

    Gostei do seu blog =)

    beijo

    ResponderExcluir
  2. Não vi não esta exposição. Ainda está aberta?
    Obrigado pelo elogio ao blog.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Dani... Adorei isso!
    Semana que vem vou a São Paulo, tu sabe até quando fica aberta esta exposição?! Quero mto visitar!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Ola Denardi, cai no seu blog sem querer e achei legal. O Celeste Boursier esta com uma exibicao muito interessante em Londres tambem.
    Veja meu blog que ja vou falar dele;
    blogdocaiado.blogspot.com
    Ab!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A História do trabalho

O Peso Real de Paulo Guedes

A psicologia do MEDO